Código de ética do praticante de reiki animal


Esse código de ética foi criado pela Kathleen Prasad (site dela aqui), mestra em Reiki residente nos EUA e escritoras de livros sobre Reiki em animais. Kathleen também é presidente e fundadora do Shelter Animal Reiki Association (SARA).

Eu transmito eles para meus alunos dos cursos de Reiki, onde eu falo sobre reiki para animais.

Para saber mais sobre o que é reiki, você pode saber por texto e por vídeo clicando: texto sobre Reiki em Animais e vídeo sobre Reiki em animais.

CÓDIGO DE ÉTICA DO PRATICANTE DE REIKI ANIMAL

Princípios orientadores:

- Eu acredito que os animais são parceiros iguais no processo de cura.

- Eu honro os animais como sendo não só meus clientes, mas também meus professores neste caminho de cura.

- Eu compreendo que os animais têm aspectos físicos, mentais, emocionais e espirituais, para os quais o Reiki pode trazer respostas profundas de cura.

- Acredito que trazer o Reiki para o relacionamento humano/animal não-humano é transformador para a visão humana do reino animal.

- Dedico-me às virtudes da humildade, integridade, compaixão e gratidão na minha prática de Reiki.

Ao trabalhar com os companheiros humanos dos animais, eu vou:

- Compartilhar informações, antes do tratamento, acerca da minha filosofia de cura, o sistema de cura do Reiki e o que esperar num tratamento típico, bem como resultados possíveis, incluindo a possibilidade de reações de cura.

- Fornecer uma política clara, antecipadamente, em matéria de honorários, duração do tratamento e condições de cancelamento, bem como a política de “adiamento”, caso o animal não-humano não queira o tratamento naquele dia.

- Nunca diagnosticar. Encaminharei, sempre, as pessoas para um veterinário, quando apropriado.

- Honrar a privacidade dos animais não-humanos e dos seus companheiros humanos.

- Compartilhar as intuições recebidas durante os tratamentos de Reiki, com compaixão e humildade, com a finalidade de ajudar na compreensão do processo de cura.

- Respeitar o direito, dos humanos, de escolher um caminho de cura do animal não-humano, escolher os métodos, tanto holísticos e/ou convencionais que lhe pareçam mais apropriados, com o apoio e orientação de um veterinário de confiança.

Ao trabalhar com os animais, eu sigo estas orientações:

- Eu trabalho em parceria com o animal não-humano.

- Pedirei sempre, a permissão do animal não-humano antes de começar, e respeitar a sua decisão de aceitar ou recusar qualquer tratamento. Ouvir intuitivamente e observar a linguagem corporal do animal não-humano para determinar a resposta.

- Permitirei que cada animal não-humano escolha a forma de receber o seu tratamento, assim, cada tratamento poderá ser uma combinação de imposição de mãos, de curta distância, e/ou cura à distância, dependendo da preferência do animal.

- Libertarei-me das minhas expectativas referentes a forma como o tratamento deve progredir e/ou como o animal não-humano deve se comportar durante o tratamento e simplesmente confiar no Reiki.

- Aceitarei os resultados do tratamento, sem julgamento e com gratidão para com Reiki e para com a abertura do animal não-humano e participação no processo.

Código criado por Kathleen Prasad.

Com amor

Ricardo Garé

Veterinário Holístico/Integrativo

CRMV-SP - 15.441

Mestre em Ciências da Saúde pela Faculdade de Medicina Veterinária da USP

Mestre em Reiki, Comunicador Animal profissional, Instrutor e terapeuta de ThetaHealing

Co-fundador do programa de Vivências Quânticas pelo Mundo

​​​​​​​www.reikiveterinario.com.br

www.thetahealing.com/RicardoGare

www.vivenciasquanticas.com.br

#reikiemanimais #reikiemgatos #reikiemcachorros #reikiveterinário #códigoéticareikianimal #reikiemcachorro

POSTS RECENTES
ARQUIVO
BUSCA POR TAGS

© 2016 Estúdio MUNI

CONTATO

RECEBA NOSSO

INFORMATIVO